script com funções para automação do site

DEVO Brasil, um site feito por fãs da verdadeira banda da de-evolutionhome | biografia | discos | videografia | enquetes | destaques | Planeta Terra 2007 | quem somos? | links | fale conosco

DESTAQUESenergy dome

Morreu hoje Bob2, com 61 anos

Morre Alan Myers, terceiro baterista de DEVO

Futurama conta com DEVO em seu centésimo episódio

Programa infantil conta com Mark Mothersbaugh

DEVO participa do game Rock Band

DEVO processa McDonalds

Mark Mothersbaugh recebe título de Doutor Honoris Causa

DEVO abre temporada de shows em 2008

Formando em Jornalismo apresenta trabalho acadêmico sobre DEVO

leia todos os destaques

 

energy domePLANETA TERRA

Saiba mais sobre a apresentação histórica do Devo no Planeta Terra 2007 na seção especial que dedicamos à volta dos spudboys ao Brasil.

 

energy domeBIOGRAFIA

Não sabe o que é DEVO? Sabe um pouco e gostaria de saber mais? Quer conhecer alguns detalhes obscuros e curiosidades sobre a real de-evolution band? Leia a biografia escrita por Caio de Mello Martins especialmente para o DEVO Brasil.

 

LINKSenergy dome

Quer conhecer outros sites sobre DEVO? Visite nossa página de links e expanda seu conhecimento sobre a verdadeira banda da de-evolution.

 

entre em contato conoscoContribua com o projeto DEVO Brasil enviando curiosidades, informações, críticas e sugestões. Use nossa página de contato e faça parte dessa história.

NOW IT CAN BE TOLD!

home :: discos :: Resenha de DVD Devo: Live

DVD Devo: Live (1996)

DEVO: Live 1996

Fênix, resurgindo das cinzas

O ano de 1996 ficará marcado para muitos spuds e devoides espalhados pelo planeta. Após o lançamento de seu último disco (Smooth Noodle Maps) como sabemos os spudboys resolveram parar. Não só pararam como sumiram e não se tinha praticamente nenhuma noticia sobre eles. Foram anos tenebrosos para os fanáticos por Devo que ainda tinham alguma esperança de que a banda ressurgisse como aconteceu anteriormente em 1988 após um hiato de quatro anos. Agora já havia se passado seis anos e nada dos spudboys.

O Lolapalooza era um festival de rock itinerante de grande porte que acontecia no verão americano, organizado por Perry Farrell (líder do Jane's Addiction). Bandas como Red Hot Chilli Peppers, Metallica, Pearl Jam, Jesus and Mary Chain, Iggy Pop, Ministry, Smashing Pumpkins e Soundgarden, eram algumas das que se apresentavam no festival, que surgiu com a proposta de ser alternativo mas que no decorrer dos anos foi perdendo um pouco isso. Naquele ano Perry Farrell queria inovar um pouco no line-up e lhe foi sugerido por Flea (baixista do Red Hot Chilli Peppers) o nome do Devo. A principio Farrell estranhou, pois a banda além de estar muito tempo parada não tinha um estilo muito a ver com o do festival, que priorizava bandas que faziam um som mais pesado. Mas incentivado resolveu apostar e os convidou para tocar.

A princípio, quando o nome Devo surgiu confirmado como atração do festival, causou certa estranheza. Afinal o que aquela banda de malucos que estava sumida, que fazia um som meio eletrônico, que se vestia igual e tocavam como se fossem robôs em curto circuito iria fazer num festival daquele, onde a maioria das bandas eram de rock pesado e o pior: essa banda iria tocar antes do Metallica. A resposta seria dada alguns dias depois.

O tão esperado dia chegou, os fãs do Metallica em peso, ansiosos para ver seus ídolos. No meio desse cenário era possível ver alguns spuds. Eram poucos, mas estavam lá com seus energy domes que até pouco tempo atrás estavam encostados. Acho que nem eles acreditavam mas estavam ali num misto de receio e ansiedade e nem imaginavam o que estaria para acontecer.

A sirene toca e cinco figuras de macacões amarelos e energy domes na cabeça entram no palco. Na platéia uma mistura de aplausos com espanto. Eram eles que se posicionaram com a bateria na esquerda onde Josh Freese - único membro não original da banda - vai se ajeitando. Ao seu lado Jerry Casale com seu synth bass, Mark ao centro no vocal, Bob1 ao seu lado empunhando sua guitarra e no lado direito Bob2 atrás dos famosos teclados devoides, todos perfilados na postura clássica da banda em shows.

O show em Irvine Meadows (California) foi curto mas o suficiente após tanto tempo, começando com Whip It, depois Girl U Want (nesses primeiros shows a banda só tocava musicas dos três primeiros álbuns, agora o Nutra e Oh, No! It's Devo! fazem parte do set list) e a banda vai se soltando, os spuds presentes deliram, os outros aos poucos vão reconhecendo a técnica e a qualidade das músicas executadas pela banda. Quando surgem os primeiros acordes de Mongoloid já é possivel escutar gritos, em Jocko Homo o mais surreal acontece: o publico inteiro fora hipnotizado e gritava a plenos pulmões junto com a banda, spuds ou nao: WE ARE DEVO!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!. Quando veio Smart Patrol / Mr. DNA já virou covardia (diz a lenda que foi a versão mais pesada dessa musica já tocada pela banda). Para finalizar o show e qualquer dúvida que ainda poderia existir sobre o que eles estavam fazendo ali veio Gates Of Steel e até um bis aconteceu.

Quis falar sobre esse disco porque além dele ter registrado o retorno da banda após muitos anos, foi o responsável por trazer a alegria de volta a todos spuds e devoides - inclusive eu - que fiquei sabendo disso por uma nota na rádio mas para mim já bastou, pois vimos que o Devo ainda estava vivo e a partir daí a banda começou a se reunir constantemente e a fazer shows no mundo inteiro (Japão, Espanha, Inglaterra, Itália) e até aqui no Brasil, fato que para muitos até setembro do ano passado era impossível de acontecer. E podem acreditar devoides e spuds que vem mais por aí.

Marcello Colosimo
16 Mai 2008

Este site não tem fins lucrativos, sendo apenas uma iniciativa de fãs e devendo ser considerado unicamente como uma homenagem à banda DEVO. No ar desde 11 Abr 2008. Conheça nossa Política de Privacidade.