script com funções para automação do site

DEVO Brasil, um site feito por fãs da verdadeira banda da de-evolutionhome | biografia | discos | videografia | enquetes | destaques | Planeta Terra 2007 | quem somos? | links | fale conosco

DESTAQUESenergy dome

Morreu Bob2, com 61 anos :-(

Morre Alan Myers, terceiro baterista de DEVO :-(

Futurama conta com DEVO em seu centésimo episódio

Programa infantil conta com Mark Mothersbaugh

DEVO participa do game Rock Band

DEVO processa McDonalds

Mark Mothersbaugh recebe título de Doutor Honoris Causa

DEVO abre temporada de shows em 2008

Formando em Jornalismo apresenta trabalho acadêmico sobre DEVO

Falha Ridicula

hacked by r3d_s0urc3

11

leia todos os destaques

 

energy domePLANETA TERRA

Saiba mais sobre a apresentação histórica do Devo no Planeta Terra 2007 na seção especial que dedicamos à volta dos spudboys ao Brasil.

 

energy domeBIOGRAFIA

Não sabe o que é DEVO? Sabe um pouco e gostaria de saber mais? Quer conhecer alguns detalhes obscuros e curiosidades sobre a real de-evolution band? Leia a biografia escrita por Caio de Mello Martins especialmente para o DEVO Brasil.

 

LINKSenergy dome

Quer conhecer outros sites sobre DEVO? Visite nossa página de links e expanda seu conhecimento sobre a verdadeira banda da de-evolution.

 

entre em contato conoscoContribua com o projeto DEVO Brasil enviando curiosidades, informações, críticas e sugestões. Use nossa página de contato e faça parte dessa história.

NOW IT CAN BE TOLD!

home :: discos :: Depoimento sobre Oh, No! It's Devo!

Oh, No! It's Devo! (1982)

Oh, No! It's Devo!

Mas será que é o Devo? Sim, É o Devo

Quando me perguntaram sobre qual disco eu gostaria de escrever não hesitei: o "disco da batata", como o Oh, No! It's Devo! ficaria conhecido por muitos brasileiros graças à sua capa inusitada, com as cabeças dos cinco spudboys saindo do tubérculo.

No entanto, não se trata de uma análise do disco já que não tenho conhecimento devoniano suficiente para isso e minhas razões para ter escolhido esse são mais sentimentais do que históricas. Assim, deixo para algum mutante mais versado a tarefa de escrever uma resenha, análise ou o nome que queira dar. O meu texto é mais um depoimento.

Eu já havia ouvido Time Out For Fun e That's Good em gravações de fita K-7 e nem me lembro quando tomei contato com o LP, em um ponto qualquer da década de 80, provavelmente trazido pelo meu irmão. Lembro que era a época da new wave, e Devo foi durante um bom tempo para mim uma das bandas que melhor representou aquele momento, embora hoje eu entenda ter sido uma fase da carreira deles mais impulsionada por pressões comerciais do que uma banda da new wave.

Apesar da questão "dançante" ligada à new wave algumas letras na época me chamaram a atenção, como a de That's Good (everybody's looking for the same thing), Patterns (patterns of behavior) e Speed Racer (doctor steal and here's the bill). Além disso os clipes são ótimos (apesar de poucos) e tenho certeza de que pelo menos o de That's Good causou algum impacto com aquela batata frita "interagindo" com a rosquinha e a garota. Algumas passagens do Time Out For Fun também devem ter deixado sua marca na sociedade conservadora dos EUA.

Penso que Oh, No! It's Devo! teve sua importância tanto para a banda como para o momento musical dos EUA (do mundo ocidental, talvez) e creio que uma mostra disso foi o fato do álbum ter chegado à respeitável posição 47 na Billboard de 1982. Além disso, algumas das músicas do disco continuam sendo tocadas em shows, passados mais de 25 anos de seu lançamento, uma mostra da qualidade característica do Devo.

Alan Henrique Pardo de Carvalho
13 Mai 2008

Este site não tem fins lucrativos, sendo apenas uma iniciativa de fãs e devendo ser considerado unicamente como uma homenagem à banda DEVO. No ar desde 11 Abr 2008. Conheça nossa Política de Privacidade.